Ir para o conteúdo

Planejamento

Educação financeira: qual a importância?

Publicado por: Isabella Herculano

Publicado em: 05 Jun, 2024

Quais as principais vantagens de investir no Tesouro Direto?

Há muitas vantagens em investir no tesouro direto, pois esse tipo de investimento oferece boa segurança, apresenta baixas taxas de administração, proporciona uma boa rentabilidade e conta com boa acessibilidade.

Então, quer saber mais sobre como investir no tesouro direto? Acompanhe este artigo e descubra como aplicar o seu dinheiro em um dos títulos do Governo mais populares do país!

Alta segurança do Tesouro Direto

O título do Tesouro Direto é emitido pelo Governo Federal, o que significa que você tem menores riscos de investimento. Afinal, você não receberia o valor aplicado mais o retorno da aplicação apenas se o governo fosse à falência. Essa possibilidade é bem difícil, não é mesmo?

Portanto, o investimento do Tesouro Direto apresenta baixo risco, principalmente se compararmos com outros investimentos do mercado financeiro. Então, se você busca segurança, aposte nesse tipo de investimento!

Baixo custo de administração

Muitas pessoas não imaginam, mas o investimento do Tesouro Direto apresenta baixas taxas de administração. Além disso, alguns agentes de custódia deixam essa taxa isenta. Maravilhoso, não é mesmo?

Outro ponto positivo é que o valor mínimo de investimento do Tesouro Direto é baixo, sendo de apenas R$ 30,00. Isso significa que até mesmo os pequenos investidores podem aplicar o seu capital nesse título emitido pelo Governo Federal.

Boa rentabilidade

Como esse tipo de investimento apresenta baixo risco, muitas pessoas pensam que a sua rentabilidade não vale a pena. Porém, a rentabilidade do Tesouro Direto é maior do que vários investimentos de renda fixa, sendo melhor, inclusive, do que a poupança.

Além disso, existem várias opções para investir no Tesouro Direto. Isso porque é possível escolher entre títulos prefixados e pós-fixados, os quais rendem com base na Taxa Selic ou no IPCA (inflação).

Fácil acessibilidade em investir no Tesouro Direto

A plataforma do Tesouro Direto é bastante acessível, uma vez que o seu layout é intuitivo e simples. Assim, qualquer pessoa consegue comprar títulos facilmente.

Ah! E você pode fazer a compra de títulos do Tesouro Direto facilmente pela internet. Além disso, não é preciso de intermediários para fazer tal aplicação.

Por fim, não temos dúvidas de que o investimento no Tesouro Direto - assim como qualquer outro tipo de investimento - ajuda na educação financeira. Então, vamos nos educar financeiramente e ver nosso dinheiro crescer?

Se você gostou das nossas dicas sobre as vantagens de investir no Tesouro Direto, comente e compartilhe o nosso artigo! Afinal, o nosso propósito é ajudar mais e mais pessoas!

Tags:

Compartilhar:

Deixe um comentário

Posts relacionados

Imagem decorativa do post O que é liquidez em finanças?

O que é liquidez em finanças?

por: Isabella Herculano07 Jun, 2024

Vamos descobrir o que é liquidez em finanças? Leia o nosso artigo e saiba mais sobre esse assunto de forma completa!

Leia mais
Imagem decorativa do post Educação financeira: qual a importância?

Educação financeira: qual a importância?

por: Isabella Herculano14 Mai, 2024

A educação financeira ajuda a tomar as melhores decisões financeiras. Vamos descobrir como? Saiba mais com o auxílio deste artigo!

Leia mais
Imagem decorativa do post Descubra qual o seu Perfil de investidor

Descubra qual o seu Perfil de investidor

por: Isabella Herculano25 Nov, 2021

Você sabe qual é o seu perfil? O perfil é estabelecido de acordo com a personalidade e com os objetivos do investidor. Assim, é possível verificar a tolerância ao ...

Leia mais
Imagem decorativa do post Como investir? Riscos, dicas e principais tipos de investimento!

Como investir? Riscos, dicas e principais tipos de investimento!

por: Isabella Herculano18 Nov, 2021

Investimento não é só para especialistas, há tipos de investimento para todos os perfis, desde aquele que arrisca até aquele só costuma aplicar na poupança. Aliás, poupança não é mais ...

Leia mais